domingo, Julho 27, 2008

Treta da Semana: Kryon.

Recebi um email da Casa Índigo a anunciar que a passada sexta feira foi um dia fora do tempo e que ontem começou o Ano Tormenta Eléctrica Azul (1). Agora estamos na Lua Magnética do Morcego, que dura até 22 de Agosto. Depois começa a Lua Lunar do Escorpião. O adjectivo «Lunar» é para distingui-la das de Azeitão, Cabra Transmontana, Rabaçal ou Tipo Serra.

À frente da Casa Índigo está Tereza Guerra, que além de licenciada em filosofia é «Kin 212: Humano Auto Existente Amarelo» e está a tirar um doutoramento em «Educação de Crianças Índigo». É pena não dizer onde nem com quem porque eu gostava de fazer umas perguntas ao seu orientador (nomeadamente, WTF?!?)*

Mas a fonte desta sabedoria é Lee Carroll, que, segundo o próprio, «canalizou» Kryon, uma «entidade extra-física [...] do "Serviço Magnético", oriunda do Sol Central». Não é o que estão a pensar. Quando li isto também imaginei um ser invisível com milhões de braços espalhados pelo mundo a segurar bonequinhos aos frigoríficos. Mas não. A missão de Kyron é «alterar o alinhamento magnético do nosso planeta» e «elevar o planeta a um nível vibratório superior» (3). Caro senhor Kryon, isto não me parece boa ideia.

O campo magnético da Terra é gerado por correntes de magma no interior do planeta. Como a espessura da parte sólida que habitamos é apenas umas milésimas do total eu preferia que o Sr. Kryon deixasse tudo como está. Porque se se descuida a mexer nas correntes de magma ainda ficamos todos a nadar em lava. E, já agora, também prefiro que não ponha o planeta num nível vibratório superior. A isso chamamos sismos e não nos dão jeito nenhum.

E porquê “Kryon”? «Se você pega as letras do meu nome em TOM – KRYON, e assinala os números a cada letra do alfabeto ocidental – A=1 B=2 Z=26 etc., depois soma estes números, você terá como resultado 83, o qual também somado resulta 11.[...] Este número 11 dirá a você mais do meu caráter. Quando você multiplica este número pela força vibratória 3, o resultado é 33 que lhe dará o insight de meu serviço. Eu vou lhe dar uma importante fórmula de poder: 9944. Seu discernimento e intuição eventualmente o levará ao significado dela, mas ela é importante na transmutação de energia.» (4). Ah... OK...

Como o cozido à portuguesa está para as couves, carnes e enchidos, assim as “canalizações” de Kryon estão para os disparates, parvoíces e tretas. E na Casa Índigo também há muitos ingredientes. A Marta Modas (5), além de formada em psicologia e «Kin 214, Mago Rítmico Branco», tem o 2º nível de «Reiki Galáctico e MultiDimensional» e faz «Meditação Galáctica» regularmente. A Susana Pinho (Kin 160: Sol Auto Existente Amarelo) lê auras e descobriu que a Cristina Gonçalves (Kin 238: Espelho Auto-existente Branco) «tem energia índigo.» Licenciada em Engenharia Física, a Cristina é também formada em Reiki e Programação Neurolinguística, Tai-Chi, Chi Kung e pratica «Meditação Galáctica» frequentemente.

Se forem a esta página podem calcular o vosso Kin, a vossa assinatura galáctica e onda encantada e até ver o aspecto tridimensional do tempo (num ecrã a duas dimensões, tal é a façanha...). Presumo que isto seja útil para quem tiver o campo magnético alinhado num estado vibracional superior. E com mais um euro já dá para uma bica.

*O Carlos Fiolhais também escreveu sobre isto no De Rerum Natura: Grandes Erros: Dia Fora do Tempo.

1- Casa Índigo, agenda
2- www.terezaguerra.com
3- Loja Índigo, Kryon - Livro I
4- Luz de Gaia, Quem é Kryon?
5- Casa Índigo, Marta Modas

21 comentários:

  1. Mário Miguel27/07/08, 22:21

    Porra! Tanta tanga num estado TÃO concentrado nunca vi!

    ResponderEliminar
  2. Epá não dá, na 2ª frase já me escangalhei a rir, tenho de fazer uma pausa para respirar e já cá venho ler o resto!! eheheh

    ResponderEliminar
  3. Mais treta do calendário Maia... Como o fim do mundo em 2000 não funcionou, tem de ser em 2012, quando a numeração maia chega a um overflow. A panca do overflow padece da mesma patologia da substituição simbólica da astrologia.

    A questão WTF parece-me bastante pertinente!!

    ResponderEliminar
  4. A vibração superior em certas circunstâncias até pode ser bem positiva, se me perdoam a badalhoquice ;-)
    De resto, o que mais me preocupa nestas coisas é que costumam dar para o suicídio colectivo «espontâneo», provavelmente quando os chefes das seitas detectam um cepticismo incipiente entre os seus acólitos.
    Cristy

    ResponderEliminar
  5. LOL.
    Mas as massas são mesmo mentecaptas. Nem sequer é preciso nada mais elaborado que uns termos do estilo da Marvel Comics para lhes sacar dinheiro.
    Não acham que já é altura de nos juntarmos e criarmos uma igreja ou coisa do estilo? O trabalho honesto já deu o que tinha a dar, e começo a pensar que as pessoas merecem este tipo de tangas.
    bjs

    ResponderEliminar
  6. Epá, já há muito tempo que não me ria tanto sozinho! :'D

    Cruzes!

    ResponderEliminar
  7. Meu carimissmo exmo Prof Dr Ludi,

    A minha questão é: Porque recebeu sua execelencia o carissimo Exmo Prof Dr um e-mail da Casa Índigo?
    O que anda o exmo carissimo doutorissimo a tramar e que não contou ainda aos seus humildes e estimados pupilos? huuumm?

    Eu amo a "lua magnetica do morcego" e o "ano Tormenta electrica azul:)

    ResponderEliminar
  8. PS: Só para dizer que eu ler li, mas não entendi nada, era para entender alguma coisa?

    ResponderEliminar
  9. Joaninha,

    «Porque recebeu sua execelencia o carissimo Exmo Prof Dr um e-mail da Casa Índigo?»

    Não faço ideia... Também recebo emails para crescer as mamas ou de consultas com o professor Balelas ou coisa assim.

    Mas não seja por isso. Se quiseres posso fazer forward disto tudo para ti :)

    ResponderEliminar
  10. Já eu admito: acabei de assinar a newsletter deles e calcular o meu Kin :')

    ResponderEliminar
  11. Penso que a referida 2doutoranda" é docente na Universidade Fernando Pessoa, no Porto.
    Tenho uma amiga que estuda lá e teve uma prof que corresponde a este perfil; os alunos tiveram de fazer um "levantamento do rancho" porque a criatura só falava nos pirralhos indígos e as tratas todas desta patetic new age e não seguia de todo o programa estabelecido para o curso (Psicologia, já agora). Eles lá conseguiram que a criatura moderasse e ensinasse qquer coisa de mais útil... mas pelos visto a fulana tem um grande ascendente sobre quem gere a instituição. Ou então trabalha muito baratinho.

    ResponderEliminar
  12. Que escrita acutilante. Continua este excelente blog, que serve para desmestificar a estupidez que varre este país...

    ResponderEliminar
  13. Tá quietinho!

    Fica lá com isso!

    hehehe

    Beijos.

    ResponderEliminar
  14. O meu teste deu "Auto-masturbador eléctrico" ah não, espera... não era este o teste.

    ResponderEliminar
  15. essa história da Universidade Fernando Pessoa parece ser mesmo verdade, tive uma aluna-estagiária de lá que me contou cenas hilariantes

    ... agora vou ali fazer o meu teste

    ResponderEliminar
  16. Obrigado, obrigado...tinha começado o dia em macambúzia disposição e agora ostento "um rasgado sorriso cósmico interior"

    ResponderEliminar
  17. Cada um entende á sua maneira... realmente a linguagem não é acesivel a todos..nao conheço a teresa mas pelo que me apercebi está a fazer um óptimo trabalho em despertar consciencias...se falasse de futebol certamente que já muita gente entenderia..Cada um está na sua faixa vibratoria e é lógico que nao capte, nao entenda, que critique...até mesmo o Kryon náo é acessivel a toda a gente..por outro lado só recebe mails da Casa indigo quem se cadastrou no site...mas como já dizia o meu avô o Futebol é que instrói e o fado é que indunca...Boa e feliz viagem

    ResponderEliminar
  18. Just for the record:

    A criatura em causa diz que está a fazer um doutoramento em crianças índigo; no entanto, a história é um pouco diferente. O doutoramento em curso tem lugar na Universidade de Salamanca e é sobre Plataformas de Ensino à Distância... Isto seria aceitável se ela estivesse de facto a fazer o doutoramento e não o seu "namorado", dito engenheiro informático chileno, que o está a fazer por ela, já que a senhora não sabe sequer para que serve um rato. Relativamente ao CV, a Drª Tereza Guerra é licenciada em Filosofia pela Faculdade de Letras de Lisboa e tem Mestrado Profissionalizante em Ciências da Educação. Felizmente, não lecciona filosofia, mas para confirmar a rede de influências referidas nos posts anteriores, neste momento é Inspectora Principal do Ministério da Educação. Curioso é referir que o dito Ministério está alegremente ignorante sobre o que a senhora faz durante as horas do seu suposto horário de trabalho que nós pagamos alegremente. A maior parte dos dias são passados na dita Fundação, onde dá consultas "não-se-sabe-bem-do-quê" a 70€ por cabeça!

    ResponderEliminar
  19. "Nada te deterá mais rapidamente na Viagem de iluminação do que o sentimento de não seres digno dela." Kryon

    E assim é com a maioria dos que gozam de qualquer coisa que não seja visível e audível nesta terceira dimensão!

    Caramba, até a Ciência demonstra incapacidade para explicar certos fenómenos e assume-o!

    Mas é mais giro e, já agora, mais fácil, ser-se carneiro(a) e seguir a opinião do autor do post de forma debochada e badalhoca - que o autor não utilizou - sem qualquer acrescento de modo a possibilitar-se alguma discussão saudável.

    De facto Kryon não é para todos!

    ResponderEliminar
  20. Oi, Pessoal!
    Que acham de "Quem Sou Eu?"
    Gostaria de receber tão díspares comentários para ver se consigo encontrar o fiel da balança!
    Me ajudem, por favor!

    Acesse o Link e comente, mas seja verdadeiro:
    http://www.talentos.wiki.br/poesia.php?id_poesia=1238

    Obrigado, de verdade!
    artur.

    ResponderEliminar

Se quiser filtrar algum ou alguns comentadores consulte este post.