domingo, fevereiro 07, 2010

Treta da semana: XXVII Congresso Ibérico de Astrologia

O Congresso Ibérico de Astrologia vai realizar-se de 12 a 15 de Maio no centro de congressos do Estoril, com o tema «Sob o signo de gémeos, num país peixes, bem-vindos à dualidade»(1). Segundo o horóscopo Azteca, o congresso será do signo serpente (2), pelo que será imprevisível, astuto e mudará de pele regularmente.

Uma coisa interessante neste congresso é o seu “comité científico”. O comité científico dos congressos científicos tradicionais é um grupo de peritos que se responsabiliza pelos trabalhos aceites. São reconhecidos pela comunidade e o seu prestígio é garantia da qualidade do programa. Mas, neste congresso, «O Comité Científico é secreto»(3). Dizem apenas dos membros que «Todos têm excelente experiência em pesquisa e participação de prestígio internacional e publicações nesta área. São dotados para o compromisso». Pelos vistos não o suficiente para dizerem quem são.

O programa deste ano ainda não está disponível mas, a julgar pela edição anterior, deve ser interessante. «La teoría del pronóstico astrológica de un desfile de moda», «Kirón: el guardián de la puerta Saturno-Urano», «2012. El secreto del códice Dresde y el final de los tiempos»(4). A edição de 2011, presumo, será a última desta série de congressos...

A astrologia é uma treta problemática. Por um lado, é quase sempre inofensiva. Quem gosta destas coisas encontra nelas sentido e estabilidade para a sua vida e, normalmente, não faz mal a ninguém. Mas, por outro lado, está a ser enganado. E quer seja enganado por outros ou por si próprio, isto cria um problema ético porque se o vemos dedicar-se a algo convicto de um proveito que daí nunca irá advir, certamente que temos alguma obrigação moral de apontar o erro.

Além deste problema ético mais abstracto, este tipo de engano abre também a porta para tragédias muito concretas. Estas “ciências esotéricas”, superstições e crenças em geral dão apresentam o conhecimento como algo assente na autoridade em vez de um processo de compreensão e esclarecimento. Convencem as pessoas que para saber é preciso certezas e fé em vez de dúvidas e perguntas interessantes.

Foi essa atitude, levada ao extremo, que matou Neil Beagley, um rapaz de 16 anos que morreu de um problema urinário facilmente curável porque os pais estavam convencidos que a oração era mais eficaz que a medicina (5).

Aceito que qualquer pessoa tenha o direito de crer nos disparates que quiser. Mas, do outro lado da balança, temos de colocar o direito de não ser enganado e as consequências que a crença em disparates pode ter para os crentes e para os outros.

1- www.congressoastrologia.com
2- Horóscopo Azteca
3- XXVII Congresso Ibérico de Astrologia, Regulamento
4- XXVI Congresso Ibérico de Astrologia, Ponencias presentadas
5- Huffington Post, Neil Beagley, Faith-Healing Teen, Dies Of Easily Treatable Illness, via Random Precision

40 comentários:

  1. Obrigada pela sua opinião.

    Maria João C M Macieira
    Organização
    XXVII Congresso Ibérico de Astrologia

    ResponderEliminar
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  4. Repito sem gralhas :)

    «Mas, neste congresso, «O Comité Científico é secreto»(3).»

    Isso é porque os letrados em bruxaria urbana não gostam que um olhar precipitado os confunda com os empiristas da bruxaria rural. E têm toda a razão pois ganham bastante mais, lavam-se muito bem atrás das orelhas e têm laptops.



    Maria João C M Macieira,

    Uma dúvida. Tem a certeza certezinha de que é Saturno que exerce má influência em certas pessoas e não o contrário?

    ResponderEliminar
  5. por isso a discussão é tão importante. sem o confronto de ideias pode não ser facil denunciar o engano

    ResponderEliminar
  6. Caro Autor do Blogue

    Agradecia que todos os comentários que estão assinados por pessoas não identificadas em meu nome, sejam retirados de imediato.
    O meu comentário vai identificado com o meu endreço de email, muito claro e objectivo.
    Caso tal não se verifique serei forçada a agir por outros meios, já que stão a ser colocados comentários jucosos e pouco claros por pessoas que mais não têm que fazer que não seja actuar sob máscaras.

    Esta é uma oportunidade única até aqui de verem que a Astrologia nada tem que ver com bruxaria e o tempo da inquisição já lá vai ... pelos vistos existem candidatos a Torquemadas modernos !

    Mais uma vez reitero que o uso abusivo do meu nome, terá as consequências devidas.

    ResponderEliminar
  7. Cara mjmacieira,

    «Agradecia que todos os comentários que estão assinados por pessoas não identificadas em meu nome, sejam retirados de imediato.»

    Apenas encontro aqui dois comentários assinados com o seu identificador do Google (perfil número 11772469916445125547). Julgo serem ambos de sua autoria. Os restantes comentários, assinados pelo Bruce Lóse e pelo João, não se confundem com os seus.

    Por favor esclareça-me esse problema que aponta, indicando especificamente quais os comentários que julga ser de alguém a fazer passar-se por si. A mim parece-me que os seus são apenas os comentários das 07:15 e das 14:45. Não está correcto?

    ResponderEliminar
  8. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  9. Ludwig,

    Acho que "em meu nome" quer dizer dirigidos "a mim". A ofensa estará por isso no meu comentário, por comparar a astrologia com a bruxaria, e não noutro comentário que entretanto tenha desaparecido.

    Se essa senhora me explicar qual é exactamente a diferença entre a aquisição de conhecimento em bruxaria e a sua actividade (?) astrológica, talvez eu possa desculpar-me pela incorrecção.

    ResponderEliminar
  10. Caro Bruce
    Não sou astrológa... e "essa senhora" é uma expressão que não fica bem aos pretensos eruditos...
    tenham ambos um resto de dia feliz !
    Já agora: sei que veio de espanha uma resposta que o responsável do blogue não publicou ? ou terá sido apagada ?
    Aqui fica reproduzida:
    PD: Me ha llegado información sobre un blog en el que atacan al 27 Congresso: http://ktreta.blogspot.com/2010/02/treta-da-semana-xxvii-congresso-iberico.html
    Les he contestado que... "Su desconocimiento de la Astrología es evidente. No es científico, ni ético, descalificar lo que se desconoce."

    ResponderEliminar
  11. João Moreira dos Santos,

    «Talvez fosse importante convidar alguns astrónomos, astrólogos e filósofos famosos para eles lançarem luz sobre este debate.

    Porém, como aqueles que a sociedade e o mundo científico valoriza sem reservas já morreram, sugiro a leitura da obra e pensamento de, entre outros, Pitágoras, Platão, Aristóteles, Ptolomeu, Abraão Zacuto, Papa Silvestre II, Copérnico, Kepler, Fernando Pessoa, Jung...»


    Este é precisamente o problema que apontei. O conhecimento não é algo que se cria consultando a opinião de famosos mas sim testando hipóteses rigorosas com dados concretos. E isso parece-me que falta por completo na astrologia.

    Por exemplo, «O Arcanjo Zachariel protege os nativos do Signo Peixes.». Como é que sabem isso?

    ResponderEliminar
  12. «tenham ambos um resto de dia feliz»

    Um resto de dia feliz para si também :)

    Tenho pena que vá, pois gostava de saber se a senhora Macieira, sendo que nunca vendeu a ninguém informação sobre o futuro (diz-me que não é astróloga) alguma pagou para lhe venderem a si essa informação. Fica para uma próxima.

    (no meu primeiro comentário deixei-lhe uma questão algo complexa, reconheço, mas esta parece-me muito simples)

    ResponderEliminar
  13. Cara mjmacieira,

    Se o problema é o uso de expressões que "não ficam bem", lamento mas não vejo como a possa ajudar. Mesmo que desatasse a apagar tudo o que me parecesse "não ficar bem", teria poucas probabilidades de acertar o meu gosto com o seu...

    Se alguém estiver aqui a comentar fazendo-se passar por si, concordo que esses comentários devem ser apagados até porque de outra forma é impossível conversar. Mas para isso peço-lhe que mos indique em concreto.

    Quanto a esse comentário que transcreveu, não foi aqui colocado. Eu recebo os comentários por email, e não recebi esse. É possível que o autor desse comentário o tenha escrito na caixa de comentários mas se não tiver um identificador registado (no Blogger, Google, etc) não pode colocar cá comentários (precisamente para evitar que umas pessoas assinem pelas outras).

    Já agora, noto que quem fez esse comentário também não sabe nada acerca do que é que eu li, da informação que disponho ou do que é que eu sei. Pelo mesmo raciocínio, não seria também falta de ética chamar-me ignorante sem primeiro perceber o que justifica a minha posição? Não é que me incomode muito (já me chamaram bem pior...), mas parece-me inconsistente.

    ResponderEliminar
  14. Esta Macieira parec-me uma «jucosa» ;-)

    ResponderEliminar
  15. estes marmanjos.... (será marmanjo um termo jocoso e que não ficará bem?? bem, que se lixe...)
    arranjam tretas impossiveis e descabeladas do tipo «o alinhamento de planeta tal afecta os nativos de tal signo» e depois querem ser levados a serio e ainda chamam ciencia a esse charlatanismo (já dizia o zé mario branco).
    Já agora eu gostaria de saber como é que o alinhamento de dois planetes lá no cú de judas (mais um termo que não fica bem)afecta os nativos de tal signo mas já não afecta de igual modo os nativos dos outros 11 signos, esta é uma cena que nunca hei-de perceber

    ResponderEliminar
  16. hehe,

    Ludwig, um dia tens de escrever sobre a auto-hemoterapia. Vais ver como chovem. São melhores que estes feiticeiritos de revista cor de rosa que so sabem ficar indignados mas nem argumentos trazem.

    Ou os espiritas. São um espetaculo.

    ResponderEliminar
  17. posso dizer-vos que já fui a uma destas festas esotéricas e pelo que vi só pude chegar a uma conclusão: há muita faltinha de sexo neste mundo, um homem faz muita falta numa casa, lol

    p.s. desculpa ludi (e restantes leitores), eu sei que foi baixo mas estes malucos tiram-me do sério

    ResponderEliminar
  18. Maria João C M Macieira,

    se criar um blog ou uma conta no YouTube poderá à vontade censurar os que "atacam o XXVI Congresso", os que usam a expressão "essa senhora" e os que confundem alguém da organização do XXVII Congresso Ibérico de Astrologia com uma astróloga. Mas com deve ter acesso a astrólogos, diga-lhes que nasci em 12 de Novembro de 1982 pelas 9h50 no Hospital da Vila Franca do Campo, e demonstrem os seus poderes. Pelo menos com os dos jornais e revistas tem sido muito decepcionante, talvez por não serem científicos.

    ResponderEliminar
  19. A todos os que atacaram jocosamente os defensores da Astrologia,

    Acho que foram por um mau caminho, e critico-vos por isso, pois afugentaram a caça, dando-lhes argumentos para isso; há muito que eu queria ver aqui os Astrólogos a nú, ainda não foi desta :( Num post que fale novamente disto, seria uma boa ideia o pessoal deixar os Magos falarem sem os acossarem, e assim "depena-los" sem que eles se possam dar como ofendidos e com base nesse argumento, fazendo beicinho, não piarem mais.

    SATANUCHO,

    Pelo que sei, aquilo do alinhamento dos planetas é meramente simbólico (para os Astrólogos mais sofisticados), o calhau (planeta) não interage directamente com os bípedes cá da Terrinha, é simplemente simbólico, e assim a coisa fica mais lixada.

    ResponderEliminar
  20. Carissimos a pedido do Astrólogo Sergio Rivillo, coloco este post, pois tal como podem ler, ele não consegue colocá-lo.

    e mais uma vez vos desejo a todos um feliz dia !

    Sergio Rivilo

    PD: No consigo publicar un comentario en http://ktreta.blogspot.com/2010/02/treta-da-semana-xxvii-congresso-iberico.html ¿podrías enviarlo de mi parte?:
    Los datos que da el amigo Pedro Amaral son los necesarios para una consulta normal, en la que siempre se demuestra el funcionamiento de la Astrología (si el astrólogo tiene la habilidad suficiente y los datos son ciertos), esto es lo que hace habitualmente el astrólogo, que ha comprobado cientos de veces la validez y el alcance de la astrología. Y comprenderá usted que el astrólogo cobre dinero por el trabajo realizado y el tiempo dedicado.
    Para obtener una demostración de la validez de la astrología es ABSOLUTAMENTE IMPRESCINDIBLE estudiar astrología.
    ¿Cómo se podría demostrar la validez del Teorema de Pitágoras a alguien que no sabe nada de matemáticas?

    ResponderEliminar
  21. "¿Cómo se podría demostrar la validez del Teorema de Pitágoras a alguien que no sabe nada de matemáticas?"

    medindo os lados uma e outra vez de varios triangulios. Ja era qq coisa.

    Agora voces fazem afirmações sobrea realidade, não estou a ver que não possamos ver se correspondem à verdade ou não mesmo sem saber como foram conseguidas. São probabilidades? Usemos estatistica.

    Quanto à vossa teoria, é treta. As influencias dos astros na vida da Terra são mais bem explicados pela ciencia.

    ResponderEliminar
  22. «Acho que foram por um mau caminho»

    Mário Miguel,

    O primeiro comentário da senhora Macieira foi suficientemente lacónico para eu perceber duas coisas:

    A) não haverá argumentos. Seja por falta deles, seja pela consciência de que o Ludwig lhes faz xeque-mate enquanto um chinês sorve um pratinho de massa, seja porque os astrólogos reproduzem as dificuldades epistemológicas dos teólogos e não compreendem a diferença entre ler livros de astrologia e conhecimento. Como podemos verificar no último comentário da senhora Macieira.

    B) a questão do nome completo. Tenho uma certa sensibilidade mística para estas coisas, e pareceu-me que a identificação da pessoa tinha um objectivo do tipo "tudo o que disserem a partir de agora pode ser usado contra vocês em sede competente", tal como se confirmou no segundo comentário da senhora Macieira.

    Resumindo, aceito a tua crítica. Por outro lado não tenho pachorra nem para astrólogos (não há nada para discutir cientificamente na astrologia, por isso, acho eu, o post fala mais na aldrabice e nas implicações sociais da aldrabice) nem para pessoas que se defendem com ameaças encapotadas. Além disso, nota que o post foi colocado às 11:51 PM e o meu comentário às 10:15 AM. Ou seja, estive mais de 10 horas em sofrimento com o bico calado.

    ResponderEliminar
  23. Hilariante.

    Qual é a distinção cientifica entre um "Congresso Ibérico de Astrologia" e um "Congresso Ibérico Evolucionista"?

    Tudo aquilo que os ateus criticam na astrologia existe na teoria da evolução. A diferença é que a última é mais útil ao ateísmo do que a primeira não.

    Ludwig, quanto ao "não faz mal a niguém", não é bem assim. Muitas e muitas pessoas são diariamente enganadas pelos "adivinhos" acerca de coisas sobre as quais elas não tem autoridade nenhuma para falar. Nem autoridade nem poder.

    Pessoas perdem tempo e dinheiro a consultar esses místicos, e muitas vezes (ou sempre) saem da lá pior do que quando começaram a consultá-los. Falo disto, não porque "ouvi dizer" mas por vivências familiares nesses antros.

    Felizmente, e pelO Poder do Senhor Jesus, isso ficou para trás.

    Isaías 8:19
    Quando vos disserem: Consultai os que têm espíritos familiares e os feiticeiros, que chilreiam e murmuram, respondei: Acaso não consultará um povo a seu Deus? acaso a favor dos vivos consultará os mortos?

    ResponderEliminar
  24. "Muitas e muitas pessoas são diariamente enganadas pelos "adivinhos" acerca de coisas sobre as quais elas não tem autoridade nenhuma para falar. Nem autoridade nem poder".

    Mats,
    plenamente de acordo. Iria até mais longe: fazem verdadeiros estragos nas vidas das pessoas, tal como todas as crendices e religiões.

    ResponderEliminar
  25. Cristy,
    "plenamente de acordo. Iria até mais longe: fazem verdadeiros estragos nas vidas das pessoas, tal como todas as crendices e religiões."

    Plenamente de acordo. Iria ainda mais longe: fazem verdadeiros estragos nas vidas das pessoas, tal como MUITAS crendices, religiões e filosofias ateístas.

    ResponderEliminar
  26. Bruce,

    A questão é que nunca vi um debate aqui entre os Astrólogos, e queria ver sem que houvesse motivo para outras desculpas, só isso. Assim ver-se-ia claramente que argumentário usam. O que eu desafio que façam, nem que seja para elucidar quem, eventualmente, esteja na ignorância.

    ResponderEliminar
  27. Se fosse ver astrólogas nuas, eu já acho muito bem e desde já apoio desde que estejam garantidos alguns mínimos estéticos.

    Por isso fica a minha disponibilidade total para encontrar consensos alargados na melhor forma de atingir o céu .....

    ResponderEliminar
  28. Tudo aquilo que os ateus criticam na astrologia existe na teoria da evolução.

    Já não há nenhum respeito pela lógica ? Já um pouco de comedimento nos disparates completos, mas se me indicar um jornal que publique as previsões das próximas mutações :DD:D:D:D:D:D alinhadas pelos planetas e datas de nascimento, agradeço

    ResponderEliminar
  29. Mário Miguel, eu consegui atraí-los.

    «¿Cómo se podría demostrar la validez del Teorema de Pitágoras a alguien que no sabe nada de matemáticas?»
    Tenho sérias dúvidas se quem fez a pergunta sabe qual é a demonstração. Não é com números que se demonstra. É mais com umas figuras geométricas que todas juntas fazem um quadrado, lembrando um Tangram, mostrando que os triângulos com lados iguais à hipotenusa do triângulo em questão juntos fazem quadrados. Mudando as posições dos triângulos, mas mantendo a forma do quadrado maior, podemos ter quadrados com lados iguais aos catetos de um triângulo.

    Mas mesmo supondo que era uma mera conjectura, pode-se mostrar que é verdade em todos casos particulares testados. Escolha um triângulo rectângulo qualquer. Meça os catetos. Calcule os quadrados de todos os lados. Soma os quadrados dos catetos. Supostamente a soma é igual ao quadrado da hipotenusa. Teste com uma representação do tal triângulo medindo a hipotenusa. Tchanam!

    Pelos vistos têm os dados suficientes para um mapa astrológico. Basta fazerem o mesmo como é feito para as conjecturas matemáticas. E um criacionista bíblico pode tentar fazer o mesmo com sonhos transmitidos por Deus ou pedindo-O para a Sua Glória.

    ResponderEliminar
  30. «tal como MUITAS crendices, religiões e filosofias ateístas».

    Mats, considerava-me uma pessoa medianamente culta. Mas agora estou em estado de choque total: não conheço uma única crendice ou religião ateísta. Espero pois que me ajudes a saír desta ignorãncia com documentação aturada para eu estudar.
    Muito obrigada

    ResponderEliminar
  31. PAC,

    A ver vamos, mas acho que eles "adivinharam" o que os esperava.

    ResponderEliminar
  32. Uma demonstração do Teorema de Pitágoras feita de forma brilhante por Jacob Brownovski na sua excelente série de 1973 "The Ascent of Man":

    http://www.youtube.com/watch?v=mOvpV0CuEdc

    ResponderEliminar
  33. Essa prova é belíssima!

    O quadrado grande, com o quadradinho no meio, é a área de um quadrado com o lado da hipotenusa. Mudando a posição das figuras, em forma de L, verificamos que obtemos dois quadrados. O maior tem os lados iguais ao cateto maior (que ocupa um lado do quadradinho que estava no meio), o menor tem os lados iguais ao do cateto menor (que é a diferença entre o outro cateto e um lado do quadradinho). Esses dois quadrados têm a mesma área do primeiro quadrado maior.

    Quem disse que é complicado?

    ResponderEliminar
  34. Cristy:

    "Mats, considerava-me uma pessoa medianamente culta. Mas agora estou em estado de choque total: não conheço uma única crendice ou religião ateísta. Espero pois que me ajudes a saír desta ignorãncia com documentação aturada para eu estudar.
    Muito obrigada"

    O Mats é um criacionista. Acredita que Deus criou os animais tal como eles são hoje e o fez de uma assentada. E acredita no diluvio.

    Achas mesmo surpreendente que ele considere o ateismo uma religião? tsts

    ResponderEliminar
  35. Mats:

    hilariante:

    "Qual é a distinção cientifica entre um "Congresso Ibérico de Astrologia" e um "Congresso Ibérico Evolucionista"

    Consistencia e completude. Simples.

    ResponderEliminar
  36. Mats:

    Hoje estas inspirado:

    "Muitas e muitas pessoas são diariamente enganadas pelos "adivinhos""

    E logo a seguir colas a palavra dos que adivinharam o que Deus quer.

    ResponderEliminar
  37. "Achas mesmo surpreendente que ele considere o ateismo uma religião?"

    João,
    a verdade é que acharia muito supreendente se o Mats pensasse que o ateísmo é uma religião. O que eu constato é que certos crentes, quando chegam ao fim da argumentação e já não sabem para que lado se virar, afirmam que o ateísmo também é uma religião para calarem o outro. Quando se lhes pede que expliquem as suas afirmações, desparecem (Mats), desconversam (Jairo e outros) ou viram poetas (Miguel Panão).
    É muito divertido

    ResponderEliminar
  38. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  39. (tinha enviado um comentário para o sítio errado)

    ResponderEliminar

Se quiser filtrar algum ou alguns comentadores consulte este post.